quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Folhado de salmão e legumes


Durante a semana tenho menos tempo para cozinhar, por isso tenho tendência a fazer platos rápidos e simples. Esta receita é rápida a fazer à condição que se tenha alguns ingredientes já preparados. Por exemplo, comprei um saquinho de mistura de legumes já cortados em juliana (que normalmente é para fazer sopa) e um pacote de molho de aneto que é só aquecer (podem usar outro molho que gostem). Claro, se tiverem tempo, é sempre melhor fazer tudo caseiro e a receita ficará ainda mais deliciosa! Mas seja como for, este prato ficou maravilhoso e fez um grande sucesso cá em casa!! Experimentem!

- 1 lombo de salmão sem espinhas nem pele
- 1 saco de legumes mixtos já cortados em juliana (no meu saco tinha: cenouras, alho francês, bróculos,  repolho e aipo)
- 1 pacote de molho de aneto já preparado (podem substituir por molho béchamel ou outro molho que gostem mais)
- sal e pimenta
- manteiga
- 2 massas folhadas

Comece por derreter um pouco de manteiga numa panela e junte os legumes. Refogue primeiro brevemente os legumes, junte um copo de água, tape a panela, e deixe cozinhar em lume brando/médio durante alguns minutos até os legumes estarem cozidos mas ainda um pouco croquantes.
Abra uma das massas folhadas em cima dum tabuleiro de forno, guardando o papel vegetal por baixo da massa.
Dore o salmão numa frigideira com um pouco de azeite apenas poucos minutos de cada lado. Retire o excesso de azeite com papel de cozinha e ponha o salmão no centro da massa folhada que esticou.
Meta um pouco de molho por cima de salmão, em seguida os legumes e termine com o restante molho.
Humedeça os bordos da massa folhada com água (com a ponta dos dedos ou um pincel de cozinha).
Cubra com a outra massa folhada e feche bem os bordos, pressionando com as pontas dos dedos, para as massas fiquem bem coladas uma à outra.
Leve ao forno pré-aquecido a 200°C durante 30/35 minutos até que a massa esteja bem dorada.
Sirva ainda quente.

Espinafres salteados com bacon

Para mudar do tradicional esparregado, esta é uma boa receita, muito fácil e rápida de fazer.


- 500gr de espinafres frescos
- azeite
- 200gr de bacon
- sal, pimenta, alho em pó

Escalde os espinafres em água a ferver e com um pouco de sal durante apenas 1 minuto. Escorra e reserve.
Frite o bacon durante alguns segundos numa frigideira sem adicionar nenhuma gordura. O bacon vai deitar água e gordura. Escorra e reserve.
Na mesma frigideira, aqueça um bom fio de azeite e salteie os espinafres junto com o bacon durante alguns minutos sempre remexendo.
Servir ainda quente como acompanhamento.


sábado, 18 de agosto de 2012

Crème brûlée (Versão françesa do leite creme)

Para aqueles que não estão de dieta, esta sobremesa é uma delícia e é sempre um sucesso. É fácil de fazer mas tem que ser feita com alguma antecedência porque tem que repousar algumas horas no frigorifico. O ideal é fazê-la no dia anterior para poder ficar no frigorifico durante toda a noite.



- 5 gemas de ovos
- 100g de açúcar
- 0.5l de natas 
- metade de um pau de baunilha

Misturar as gemas com açúcar muito brevemente e sem bater, apenas remexendo suavemente com a colher de pau.
Abrir o pau de baunilha no sentido vertical e raspar com a faca os grãos que estão no interior para dentro da preparação anterior. Mexer.
Juntar as natas pouco a pouco e misturar.
Deitar o preparado em 6 formas pequenas e levar ao forno pré-aquecido a 100°C durante 2 horas.
Retirar do forno, deixar arrefecer completamente e levar ao frigorifico durante algumas horas (2h no mínimo).
Na hora de servir, polvilhar com açúcar e queimar o açúcar com um maçarico de cozinha.

Tagliatelle com salmão e bróculos

Olá a todos! Esta é mais uma boa receita para cozinhar salmão.... Desta vez decidi adicionar outro ingrediente de que gosto muito: bróculos.



- 2 lombos de salmão
- 1 ramo de bróculos
- 1 lata de cogumelos laminados
- meio pacote de natas
- sal e pimenta
- tagliatelles

Comece por cozer os tagliatelles em água a ferver com sal durante 7 minutos. Escorra e reserve.
Costumo regar a massa com um fio de azeite para ficar solta.
Cozer também os bróculos em água a ferver com sal durante 5 minutos. Escorra, corte em pedaços pequenos e reserve.
Corte o salmão em pequenos cubos e dore-os numa frigideira com azeite. Tempere com sal e pimenta.
Juntar os cogumelos, os bróculos e as natas, mexer bem e deixar cozer durante alguns minutos para as natas engrossarem.
Deitar este molho sobre os tagliatelles e servir imediatamente.

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Salmão com natas e cogumelos

O salmão é um dos meus peixes preferidos. E para mudar do salmão grelhado, decidi cozinhá-lo com cogumelos e esta receita ficou mesmo muito bom. Aqui vai:


- 2 lombos de salmão
- 1 pacote de natas
- 1 lata de cogumelos
- azeite
- salsa picada
- sal e pimenta

Dorar os lombos de salmão numa frigideira com um pouco de azeite (em lume médio). Temperar com sal e pimenta. Retirar o salmão da frigideira e reservar.
Na mesma frigideira, meter os cogumelos e as natas e levar ao lume durante 10 minutos. Juntar a salsa picada e um pouco de sal e pimenta. Deixe engrossar as natas e sirva o molho por cima do salmão.
Acompanha-se com arroz de manteiga ou esparguete.



Couscous

Este prato oriental é um dos meus preferidos. Aqui vai a receita:

- 4 salsichas "Merguez"
- 2 coxas de frango
- 4 pedaços de carne de vaca (com um pouco de gordura)
- 4 costeletas de borrego
- 3 courgettes
- 4 cenouras
- 2 beringelas
- 2 frascos de grão cozido
- 1 cebola
- polpa de tomate
- 1 colher de sopa "Ras El Hanout" (mistura de especiarias orientais)
- Sal, pimenta, uma folha de louro
- azeite
- couscous

Refogar a cebola picada num bom fio de azeite.
Juntar todas as carnes cortadas em pedaços pequenos e refogar até que as carnes fiquem coradas.
Adicionar algumas colheres de polpa de tomate e misturar bem. Adicionar um pouco de água e os temperos.
Cobrir e deixar cozer durante 30 minutos.
Juntar todos os legumes cortados em pedaços pequenos excepto o grão.
Deixar cozinhar a lume brando durante 1h30/2h.
Um pouco antes do fim da cozedura, adicionar o grão.
Cozer o couscous durante 2 minutos em água a ferver com sal e escorrer logo de seguida.
Servir como acompanhamento das carnes e legumes.

terça-feira, 14 de agosto de 2012

Coelho com mostarda


Gostamos muito de coelho, especialmente o meu marido. Em geral, faço-o sempre guisado com polpa de tomate. Desta vez, para variar, decidi cozinhá-lo com molho de natas e mostarda e ficou uma delicia!


- 1 coelho
- 1 lata de cogumelos inteiros
- 1 pacote de natas
- 1 cebola
- sal, pimenta, folha de louro
- azeite
- meio copo de vinho branco
- 2 ou 3 colheres de sopa de mostarda

Cortar e limpar o coelho.
Refogar a cebola picada num bom fio de azeite. Adicionar os pedaços de coelho e deixar dorar, tendo o cuidado de virar regularmente.
Diminuir o lume, juntar o sal, a pimenta, a folha de louro, o vinho branco e deixar refogar a lume brando durante 45 minutos, com a panela tapada.
A meio da cozedura, juntar os cogumelos inteiros.
Quando o coelho já estiver cozido, juntar as natas e a mostarda, mexer bem e deixar cozinhar durante mais 15 minutos.

Servir com arroz de manteiga ou batatas cozidas.

domingo, 12 de agosto de 2012

Queques de banana

Aqui vai uma receita também muito fácil de fazer, que é muito prático para aproveitar bananas que já estão muito maduras e que faz um lanche delicioso!



- 220g de manteiga amolecida (costumo amolecer no micro-ondas)
- 360g de açúcar
- 4 ovos
- 6 bananas
- 300g de farinha
- 2 colheres de sobremesa de fermento em pó
- 1 pitada de sal

Pré-aqueça o forno a 180° graus.
Bata a manteiga com o açúcar até obter um creme esbranquiçado.
Junte os ovos e mexa bem.
Descasque as bananas e esmágue-as bem com um garfo. Adicione em seguida as bananas ao preparado anterior.
Adicione agora a farinha, o fermento e o sal, com o cuidado de não formar grumos. (Para nao fazer grumos, costumo usar a vara de cozinha e juntar a farinha aos poucos, sempre mexendo no centro e de forma circular).
Barre as formas de queques com manteiga e polvilhe com farinha.
Encha as formas com o preparado e leve ao forno durante 30 minutos.
Deixe arrefecer antes de desenformar.

Caril de camarão

Gosto muito de pratos com caril e como gosto imenso de camarão, decidi juntar os dois ingredientes nesta receita muito simples mas muito saborosa.


- 1 kg de camarão
- 1 pacote de natas
- 1 colher de sopa de caril 
- sal e pimenta
- alho em pó
- azeite

Começa-se por escaldar os camarões em água a ferver, apenas por 1 ou 2 minutos. Escorra, descasque-os e reserve. (Costumo comprar camarão congelado já descascado para ser mais rápido).

Numa frigideira, saltear os camarões num bom fio de azeite e temperar com sal, pimenta e alho em pó.
Deixar cozinhar alguns minutos, tendo o cuidado de sempre mexer.
Dissolver o caril num pouco de natas e adicionar junto com o restante pacote de natas aos camarões. Misture bem para o caril ficar completamente dissolvido.
Deixe cozinhar novamente cerca de 5/10 minutos para que o molho engrosse e sirva com arroz basmati.

Bom apetite!




Ola!

Ola a todos!
Decidi criar este blog para partilhar convosco as minhas receitas do dia-a-dia.
Por vezes, receitas de familia, por vezes receitas tiradas de um livro ou de uma revista, por vezes simplesmente um resultado da minha imaginacao...
Nao hesitem em dar os vossos comentarios!
Obrigada!
Andreia