quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Tagliatelle de salmão com espargos verdes

Como já disse, gosto imenso de salmsalmão fumadi E como tinha comprado um molho de espargos verdes (legume que ando a descobrir pois nunca tive o hábito de integrá-lo na minha alimentação), decidi combinar estes dois ingredientes e experimentar uma receita de massa que ficou saborosa e gulosa. Hei-de repetir mais vezes!


- 1 grande lombo de salmão sem pele nem espinhas
- 10 espargos verdes
- 2 fatias de salmão fumado
- 1 cebola pequena
- 250ml de vinho branco
- 1 cubo de caldo de legumes
- 200ml de natas
- sal e pimenta
- tomilho moído
- tagliatelles ( ou outra massa)

Leve ao lume a cebola muito bem picada, o vinho branco e o cubo de caldo. Deixe ferver até todo o liquido ter completamente evaporado mas não deixe queimar a cebola.  Assim que o liquido todo evaporar, retire imediatamente do lume.
Durante esse tempo, coza a massa, escorra e reserve.
Coza também os espargos: leve ao lume uma panela com água e meta os espargos quando levantar fervura. Deixe cozer durante 10 minutos, escorra e corte em pedaços. Reserve.
Junte as natas à cebola que preparou anteriormente e assim que levantar fervura, desligue o lume.
Corte o salmão fresco em pequenos cubos e o salmão fumado em tiras fininhas.
Numa grande frigideira, meta um bom fio de azeite e dore os cubos de salmão fresco durante poucos minutos. Não deixe cozer muito tempo senão salmão fica seco.
Junte agora os espargos e mexa bem. Tempere com sal e pimenta.
Junte a massa e as natas ao salmão e misture bem.
Desligue o lume e adicione as tiras de salmão fumado.
Está pronto a servir!
Se gostar, pode polvilhar com parmesão em pó.

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Espetadas de frango teriyaki

Como já sabem, nós os dois gostamos imenso de pratos japoneses e ando sempre à procura de novas receitas. Um prato muito famoso são estas espetadas de frango absolutamente deliciosas e que se come tão bem com uma tigela de arroz japonês!! 
É uma receita muito fácil de realizar que apenas necessita algum tempo para marinar a carne.



- 600g de peito de frango
- 5 colheres de sopa de molho de soja japonês
- 5 colheres de sopa de saké
- 5 colheres de sopa de mirin
- 3 colheres de sopa de açúcar
- 1/2 colher de sobremesa de maizena

Corte os peitos de frango em pequenos cubos e transfira para uma grande tigela.
Prepare o molho: misture bem o molho de soja, o saké, o mirin, o açúcar e a maizena.
Regue o frango com este molho e deixe marinar durante várias horas.
Faça espetadas com os pedaços de frango.
Aqueça um pouco de óleo numa grande frigideira e frite as espetadas a lume médio, regando com o molho que sobrou, até ficarem bem cozinhadas e caramelizadas.
Bom apetite!

sábado, 19 de outubro de 2013

Muffins de chocolate e avelãs

Olá a todos.
Hoje trago-vos uma nova receita de muffins. Quis aproveitar as avelãs que tinha cá em casa e que foram apanhadas aqui perto demanteiga.
Ficaram muito bonitos e fofinhos. Experimentem!




- 80g de manteiga
-150g de chocolate de cozinha
- 1 ovo
- 200g de leite
- 220g de farinha
- 130g de açúcar
- 60g de avelãs descascadas
- metade de um pacote de fermento em pó
- 100g de pepitas de chocolate preto

Derreta a manteiga e o chocolate cortado em pedaços em banho-maria.
Pré-aqueça o forno a 200°C.
Numa grande tigela, misture o açúcar, a farinha e o fermento.
Junte o ovo e o leite progressivamente, sempre mexendo.
Junte agora o chocolate que derreteu e mexa rapidamente.
Adicione as avelãs partidas grosseiramente (e não moídas completamente) e as pepitas.
Misture bem e distribua a preparação em 10 forminhas de muffins em papel. Eu meto-as dentro de formas como pode ver na foto para ser mais prático a meter e tirar do forno.
Leve ao forno durante 25 minutos.
Deixe arrefecer antes de tirar os muffins da forma.

terça-feira, 15 de outubro de 2013

Bife de corço com cogumelos cantatelos

Se gosta de experimentar novos sabores e novos ingredientes, esta receita é para si ;-) Estamos sempre habituados aos bifes de vaca e, por vezes, hesitamos em comprar carnes que nos parecem um tanto exóticas. Decidimos experimentar estes bifes e como agora começa o tempo dos cogumelos silvestres, estes cogumelos cantarelos foram um óptimo acompanhamento! Nota-se bem que esta carne é mais saborosa e soube bem mudar dos sabores habituais.

- 2 bifes de corço
- 150g de ccogumelos cantarelos ou outro tipo de cogumelos silvestres
- 200g de natas
- 20g de manteiga
- sal e pimenta

Sacuda bem os cogumelos e retire as impurezas que encontrar,  por ex.: restos de folhas ou de paus).
Meta os cogumelos numa panela pequena e leve a lume brando até perderem o excesso de água.  Tempere com sal e pimenta.
Junte as natas e deixe cozinhar durante aproxidamente 10 minutos. Desligue o lume.
Deite a manteiga numa grande frigideira e deixe derreter em lume forte. Quando a mmanteiga deixar de fazer barulho, meta os bifes e deixe fritar 2 minutos de cada lado. Tempere com sal e pimenta. 
Deite um pouco de natas e ccogumelos em cada bife e sirva com uma salada de alface e tomate.

sábado, 12 de outubro de 2013

Rigatoni com courgette e tomate

Em casa rigatonits muito de massa. Todas as ocasiões são boas para comer um bom prato de esparguete ou de fusilli. Desta vez tinha no frigorifico massa rigatoni e courgettes acabadas de colher da horta dos meus sogros. E pensei: "já tenho o jantar feito". E ficou realmente muito bom. Ainda por cima, é um prato muito saudável, não leva molhos, apenas um bom fio de azeite.




- massa rigatoni
- 1 courgette 
- 2 tomates 
- azeite q.b. 
- sal e pimenta q.b. 
- especiarias (usei uma mistura de ervas já preparada) 

 Coza a massa numa panela com bastante água e uma pitada de sal durante mais ou menos 8 minutos até a massa estar cozida. Escorra e reserve. 
Lave e corte a courgette e os tomates em pedacinhos e leve-os a refogar numa frigideira com um fio de azeite. Tempere com sal, pimenta e outras especiarias que preferir. 
Mexa sempre até os legumes estarem cozidos mas ainda 'al dente'. 
Meta agora a massa dentro da frigideira e misture muito bem. 
Se for preciso, adicione mais um pouco de azeite. 
Continue a mexer para envolver bem todos os ingredientes e sirva ainda quente. 
Bom apetite!

Vol-au-vent de frango

Esta é uma receita francesa muito apreciada cá em casa e fácil de fazer. Congela-se bem e, assim sendo, é muito prático para os dias de correria onde temos de encontrar algo rápido de preparar.

 

- 4 peitos de frango 
- 1 alho francês 
- 1 ramo de salsa 
- metade de 1 cebola 
- 4 cravinhos 
- 1 cubo de caldo de frango 
- 50gr de manteiga 
- 4 colheres de sopa de farinha 
- sal 
- pimenta 
- 200g de cogumelos  
- 4 ‘bouchées à la reine’ 

Coza os peitos de frango numa grande panela com água, juntando também o cubo de caldo, a rama verde do alho francês, metade do ramo de salsa e os cravinhos espetados na cebola descascada. 
Quando levantar fervura, deixe cozer durante 30 minutos. Escorra os peitos de frango mas guarde o caldo que se formou. 
Corte o frango em pedacinhos. Pré-aqueça o forno a 200°C. 
Comece agora a preparar o molho béchamel: leve a manteiga a derreter numa panela pequena (sem queimar!). 
Baixe o lume, junte a farinha e mexa rapidamente. 
Junte, pouco a pouco, aproximadamente 400ml do caldo onde cozeu o frango e misture bem para não ficar com gromos. Continue a misturar até o molho engrossar. 
Junte agora os cogumelos e o frango e tempere com sal e pimenta. 
Meta as ‘bouchées à la reine’ num tabuleiro e leve ao forno durante 10 minutos (ou segundo as instruções do pacote). 
Retire-as do forno e encha-as com o preparado de frango. 
Está pronto a servir com arroz branco!

Bacalhau com natas

Nunca tinha feito bacalhau com natas. Era sempre a minha mãe que o fazia e era um dos meus pratos preferidos. Esta semana comprei bacalhau e costumo sempre fazer bacalhau à brás. Desta vez queria mudar e decidi fazer esta receita tão tipica que todas as familias portuguesas já experimentaram.

- 1kg de bacalhau demolhado e já em lascas
- 2 cebolas 
- 2 dentes de alho 
- azeite 
- 400ml de natas 
- 500ml de leite 
- 30g de manteiga 
- pimenta
- noz moscada 
- 3 colheres de sopa de farinha 
- sal 
- queijo ralado 
- 600g batatas

 
Comece por pôr o bacalhau numa grande panela. Cubra com leite e aqueça até ferver. Assim que levantar fervura, desligue o lume e escorra o bacalhau, tendo o cuidado de guardar o leite para o molho bechamel que fará mais tarde.
Descasque e lave as batatas e corte-as aos cubos. Frite-as e reserve, retirando o excesso de óleo. Refogue a cebola cortada às rodelas e os dentes de alho picados num bom fio de azeite generoso. Deixe alourar e junte o bacalhau e as natas. Tempere com bastante pimenta e mexa de vez em quando. Assim que as natas levantarem fervura, retire do lume. Junte as batatas e envolva delicadamente. Meta este preparado num tabuleiro que possa ir ao forno. Prepare agora o molho bechamel: derreta a manteiga numa panela pequena e junte a farinha. Mexa rapidamente. Junte o leite aos poucos e vá sempre mexendo para não formar grumos. Junte leite até obter uma preparação completamente liquida. Deixe cozinhar e vá sempre mexendo até o molho engrossar. Tempere com sal, pimenta e noz moscada e deite este molho por cima do bacalhau que pôs antes no tabuleiro. Polvilhe com queijo ralado e leve ao forno pré-aquecido a 200C até ficar tostado. Sirva com salada de alface e tomate e azeitonas pretas.

Tártaro de salmão fumado

Normalemente o tártaro faz-se com peixe cru mas quis experimentar com salmão fumado e ficou muito bom. É super rápido e é uma boa entrada fresca.

- 2 fatias de salmão fumado
- 2 raminhos de aneto
- sumo de limão
- azeite

Corte o salmão em bocadinhos mesmo fininhos.
Pique o aneto e junte-o ao salmão.
Regue com algumas gotas de sumo de limão e um fio de azeite.
Misture bem e está pronto a servir!

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Biscoitos de aveia, xarope de bordo e pepitas de chocolate

Trouxemos do Canadá alguns frascos de xarope de bordo (em inglês: maple syrup, em francês: sirop d'érable) e utilizo este produto saboroso sempre da mesma maneira: para regar as panquecas ao pequeno-almoço. Vi na internet que existem várias outras maneiras de usar este xarope e como também me restavam flocos de aveia, decidi fazer esta receita que encontrei aqui (http://www.lesfoodies.com/biscottine/recette/cookies-aux-flocons-davoine-pepites-chocolat-et-sirop-derable) e nao me arrependi :-)

 
- 1 ovo
- 150g de farinha
- 50g de flocos de aveia
- 1/2 saquinho de fermento em pó
- 50g de manteiga
- 6 colheres de sopa de xarope de brodo
- 60g de açúcar
- 1 saquinho de açúcar abaunilhado
- 100g de pepitas de chocolate

Pré-aqueça o forno a 200°C.
Numa grande tigela, misture bem os açúcares, o xarope, o ovo e a manteiga derretida.
Junte a farinha, o fermento, os flocos de aveia e as pepitas de chocolate. Misture bem ou até amasse se achar mais prático.
Forre um tabuleiro com papel de cozinha e faça pequenas bolas com a preparação e leve ao forno durante 10 minutos.
Deixe arrefecer antes de tirar os biscoitos do tabuleiro.


sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Muffins de chocolate

Sempre fiquei um tanto desiludida cada vez que fiz muffins de chocolate.  Ou ficavam um pouco secos, ou não tinham gosto suficientemente forte de chocolate. Quando fomos ao Cachocolat r que os molate que por lá encontrávamos eram simplesmente os melhores que já alguma vez tínhamos comido. Decidi então pesquisar nos blogs de lá para ver se encontrava uma receita que nos agradasse. E encontrei! encontrei a receita que fez um enorme sucesso aqui neste blog: http://www.lacuisinedebernard.com/2010/09/les-muffins-atomiques-au-chocolat.html
- 75g de cacao sem açúcar
- 190g de açúcar
- 170g de farinha
- 150g de leite
- 150g de manteiga
- 190g de ovos (equivalente a 3 ovos grandes)
- 1, 5 colheres de chá de fermento em pó
- 150g de chocolate de leite 
- 100g de pepitas de chocolate preto
- 1 pitada de sal

Comece por partir o chocolate de leite em pedaços pequeninos e reserve.
Pré-aqueça o forno a 190C.
Numa grande tigela, misture o cacao, os ovos, o açúcar, o leite e a manteiga derretida.
Misture muito bem.
Junte agora a farinha e o fermento e misture novamente.
Adicione o chocolate de leite, a pitada de sal e as pepitas e misture.
Forre formas de queques (muffins) com forminhas de papel.
Encha cada forminha com o preparado e tenha o cuidado de enchê-las mesmo até à borda, até um pouco mais, se conseguir.
Leve ao forno durante 30 minutos.
É uma delicia! :-)